No dia 16/3/2020, há 1 ano, a UFRJ suspendeu as atividades presenciais não essenciais para proteger o corpo social contra a COVID-19 e ajudar a diminuir a transmissão do vírus. Entendemos que o ambiente universitário com salas fechadas e repletas de gente se tornaria um espaço propício para a disseminação da doença. Um ano se passou, a pandemia não retrocedeu e neste momento, devemos reafirmar a importância da ciência, para garantirmos um retorno às atividades de forma segura.

Agradecemos muito a todos os profissionais da UFRJ em Macaé, incansáveis no enfrentamento desta crise. Nosso corpo social tem atuado com muita dedicação no atendimento das diferentes demandas da sociedade. Nossas atividades de ensino, pesquisa e extensão não pararam e acontecem de maneira remota. Nos engajamos em ações com o objetivo de ajudar o país neste momento difícil, formamos um Grupo de Trabalho específico para o enfrentamento da COVID-19, formado por diversos profissionais e pesquisadores, cujos estudos auxiliam os gestores locais com o fornecimento de dados científicos para o estabelecimento de diretrizes a serem utilizadas neste combate ao coronavírus. Nossos docentes e servidores produziram equipamentos de proteção e material didático para esclarecimentos sobre a doença, realizamos atendimento psicológico a enfermos e seus familiares, desenvolvemos projetos de pesquisa, que geram novos conhecimentos.

Reafirmamos que a luta continua, a importância da higiene e o distanciamento social são medidas preventivas necessárias e eficazes. A pandemia ainda está matando muitas pessoas e a segunda onda é uma realidade. Chegamos à casa de 2.000 mortes por dia e prestamos nossa solidariedade às pessoas que perderam seus familiares e amigos. Entendemos que a solução mais viável no momento é a vacinação em massa da população. Nossos voluntários recrutados em nosso corpo social têm atuado em conjunto com a secretaria de saúde de Macaé nesta missão de vacinar a todos o mais breve possível.

Neste um ano de crise, reafirmamos a importância da ciência, pois sem ela não sairemos deste turbulento período. Prestamos agradecimento especial aos trabalhadores terceirizados que cuidam da manutenção e vigilância dos espaços físicos da UFRJ em Macaé, trabalhando de maneira presencial, para garantir o retorno pleno das atividades no futuro. Nossos agradecimentos aos alunos que mesmo remotamente estão se dedicando a seus estudos com vigor e determinação. Agradecemos também aos servidores técnico-administrativos que não deixam as atividades administrativas e acadêmicas cessarem, se adaptando às novas rotinas; e aos docentes e pesquisadores, que se superam em desafios constantes para transmitir o conhecimento de uma forma adaptada.

Esperamos que isso tudo passe logo, para estarmos todos juntos de novo, com segurança.

Direção geral do Campus UFRJ-Macaé.

UFRJ Campus Macaé
Desenvolvido por: TIC/UFRJ