Período: 10/01/2018  à  10/07/2018

Coordenador: Karine da Silva Verdoorn

 

Resumo:
A associação entre a prática de atividade física somada à alimentação balanceada e saúde está bem estabelecida. Entretanto, dados epidemiológicos da saúde no Brasil apontam aumento das doenças crônicas não transmissíveis, nas quais os hábitos de vida não saudáveis apresentam-se como principais fatores de risco. Outro fator associado ao bem-estar físico e pessoal é a Saúde Mental. Igualmente, a incidência de transtornos mentais vem aumentando, com estimativas que em algumas décadas estes se tornem o maior problema de saúde pública mundial. Há um desencontro entre a produção de conhecimento científico sobre os benefícios de hábitos saudáveis e adoção dos mesmos por parte da população. As causas da baixa efetividade das intervenções utilizadas em prol de hábitos saudáveis são objeto de investigações. Mau funcionamento da rede, pouco conhecimento da população sobre o assunto e desconhecimento dos profissionais no momento da orientação aos usuários estão entre as razões. No Brasil, estratégias da Atenção Primária à Saúde como o aconselhamento em saúde são incorporados, porém enfrentam desafios em sua implementação e prática. Neste cenário e dada a importância da adoção de hábitos saudáveis para uma vida plena, este evento propõe a articulação entre profissionais de saúde, acadêmicos e toda a população na construção de um debate acerca do aconselhamento em saúde. As oficinas, palestras e mesas redondas surgem como meios de discussão sobre os desafios encontrados nessa prática, bem como ferramentas para troca de saberes, surgimento de propostas de implementação e, em última instância, o aprimoramento da prática do aconselhamento em saúde.

Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

UFRJ Campus Macaé
Desenvolvido por: TIC/UFRJ