NUPEM/UFRJ tem proposta de Mestrado Profissional aprovada pela CAPES

 O NUPEM/UFRJ obteve uma importante conquista ao ter aprovada a proposta do curso de mestrado profissional em Ambiente, Sociedade e Desenvolvimento, na área de Ciências Ambientais.

 nupem

 

A CAPES divulgou na última sexta-feira, 05 de outubro, os resultados da avaliação de propostas de cursos novos nas modalidades acadêmica e profissional. Segundo o site da instituição, as propostas de novos cursos foram analisadas, após a avaliação pelas respectivas áreas, durante a 179ª Reunião do Conselho Técnico-Científico da Educação Superior (CTC-ES), Brasília, de  24 a 28 de setembro1.

O Mestrado Profissional em Ambiente, Sociedade e Desenvolvimento do NUPEM/UFRJ é uma Pós-Graduação Stricto Sensu voltada para a capacitação de profissionais das mais diversas áreas. O curso, marcado pelo caráter interdisciplinar, será gratuito, aberto a todos os interessados que tenham concluído graduação em qualquer área, e  atenderá a uma antiga demanda da região.

“Inicialmente, a Secretaria Municipal de Educação nos procurou há cerca de 4 anos para criar um curso de capacitação para os  professores da rede básica de ensino. Em seguida, nos reunimos com o Secretário de Saúde na época, que nos apresentou esta mesma demanda: capacitar servidores da área de saúde. De imediato, nós tivemos uma ação de curto prazo e outra de média/longo prazo: a curto prazo, foram criados cursos de extensão de curta duração para capacitação destes profissionais (que permanecem até hoje) e, a médio/longo prazo, pensamos na criação de um curso de Mestrado Profissional, que está se concretizando. Vamos atender a esta demanda de capacitação de servidores da área da saúde e educação, incluindo os servidores da UFRJ e os profissionais do meio ambiente, pois partimos do princípio de que o desenvolvimento deve estar conectado com a melhorias das condições ambientais” (Coordenador do Programa de Mestrado Profissional em Ambiente, Sociedade e Desenvolvimento, Professor Doutor Jackson Menezes).

Para a Professora Doutora Gláucia Valadares, o caráter interdisciplinar do Mestrado Profissional permitirá a inclusão e o diálogo entre os diferentes campos do conhecimento, recuperando saberes de grupos sociais diversos e contribuindo, assim, para o aprofundamento da capacitação, para o avanço científico e  para o desenvolvimento social:  “Quando temos a possibilidade de união entre ciências naturais e ciências sociais, tendo como polo catalisador a questão do social, nós tiramos a ciência de uma perspectiva hermética, focada só em alguns, e avançamos absurdamente rumo à produção coletiva de conhecimento e à transformação social. Este mestrado é, por si só, vanguarda, pois  agrega diferentes professores, de diferentes áreas, com diferentes visões de mundo – podendo, de fato, transformar a sociedade e motivar as pessoas em prol de uma consciência cidadã”.

Outro ponto ressaltado por um dos docentes envolvidos no processo de criação do novo curso, Prof. Dr. Daniel Zandonadi, diz respeito à relevância social da universidade e à variedade do perfil dos alunos que serão selecionados para o Mestrado Profissional: “As pessoas poderão ter uma melhor visão sobre a relevância da universidade, uma vez que o NUPEM/UFRJ abraçou as necessidades de diferentes profissionais e respondeu através da criação de um curso que será uma referência na região por focar em problemas locais e bastante aplicados”.

O papel da universidade, sua responsabilidade social e o seu comprometimento moral para com a sociedade também foram destacados pelo coordenador do novo curso:

 “Esta aprovação é histórica para o NUPEM/UFRJ e consolida muitas ações da instituição, marcadas pelo atrelamento da atividade acadêmica com a sociedade. E o Mestrado Profissional é um produto acadêmico desta interação, pois vem atender aos anseios da sociedade macaense, mais especificamente aos anseios dos profissionais da educação, saúde e do meio ambiente - que trazem demandas práticas para problemas reais cujas respostas ainda necessitam ser construídas. Neste sentido, o NUPEM/UFRJ demonstra toda sua abertura, conexão,  responsividade e responsabilidade para com a sociedade ao apresentar uma resposta concreta às demandas expostas” (Prof. Dr. Jackson Menezes).

O Diretor do NUPEM/UFRJ, Rodrigo Nunes da Fonseca,  avaliou esta importante conquista:

“A aprovação do mestrado profissional pela CAPES reforça a interação do NUPEM/UFRJ com a sociedade macaense e consolida um ciclo de expansão das pós-graduações da instituição, que começou com os cursos de mestrado e doutorado acadêmicos do Programa de Pós-Graduação em Ciências Ambientais e Conservação (PPG-CiAC), seguiu com a parceria para a realização dos cursos de mestrado e doutorado acadêmicos do Programa de Pós-Graduação Educação em Ciências e Saúde do Núcleo de Tecnologia Educacional para a Saúde (NUTES/UFRJ) e  com a concretização do Mestrado e Doutorado do Programa Multicêntrico de Pós-graduação em Ciências Fisiológicas (PMPG-CF)  - e agora será encerrado, momentaneamente, com a aprovação do Mestrado Profissional em Ambiente, Sociedade e Desenvolvimento. Tudo isso prova que estamos muito bem representados dentro das nossas quatro grandes áreas de atuação: Ambiente, Educação, Saúde e Biotecnologia, demonstrando  os nossos laços e a nossa preocupação  com a  sociedade local”.

A previsão é que o edital para o novo curso de Mestrado Profissional em Ambiente, Sociedade e Desenvolvimento do NUPEM/UFRJ saia no primeiro semestre do próximo ano e que a primeira turma comece no segundo semestre de 2019.

 



1 Fonte: CAPES

 

Links

minerva verde      CampusMacae verde      ouvidoria verde     intranet verde     Sigma verde    superEst verde     CAPES verde       cnpq verde     FAPERJ verde

UFRJ Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade - NUPEM/UFRJ
Desenvolvido por: TIC/UFRJ