Período: 06/01/2019  à  07/06/2020

Coordenador: Juliana Milanez

Resumo:
Através da realização das atividades previstas nesse projeto, que passam principalmente pela experimentação no ensino de ciências como estratégia no processo de ensino-aprendizagem de química, pretendemos ajudar a diminuir as assimetrias de gênero em contextos acadêmicos e científicos das áreas de exatas, como forma de assegurar a participação de mulheres em todas as áreas do saber e não apenas em áreas relacionadas aos cuidados ou trabalhos domésticos. Intentamos mostrar às meninas, em idade escolar do ensino fundamental e médio, bem como às alunas dos cursos de graduação da UFRJ, outros contextos possíveis e outras possibilidades de afirmação e reconhecimento, na perspectiva de (re)criar os cenários e representações sociais a que estas meninas/mulheres estão atreladas, dando especial atenção ao cenário de ciências exatas e de desenvolvimento de metodologia e pesquisa científica, como forma de estímulo ao ingresso dessas meninas em cursos de exatas e carreiras que se relacionam à pesquisa científica de um modo geral. No que tange às alunas de graduação espera-se que a proposta contribua para redução dos índices de evasão dos cursos de exatas, na perspectiva da evidência de outros caminhos possíveis através da representação feminina nesses espaços acadêmicos e científicos. Essa projeto extensionista se espelha em edital recente do CNPq com a chamada Meninas na Ciências Exatas destinado a alunas e professoras da rede pública de ensino.

Contato: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

UFRJ Campus Macaé
Desenvolvido por: TIC/UFRJ